Diretor Ibmec destaca melhora no mercado de trabalho brasileiro

Alcançando taxas altas há mais de dois anos, o cenário do desemprego no Brasil tem demonstrado sinais de mudança. Após o levantamento divulgado em maio pela Pesquisa Nacional por Amostra de Domicílios (PNAD), realizada pelo IBGE, o número de pessoas desempregadas no país chegou aos 14 milhões - uma estatística otimista, pois foi a primeira queda desde novembro de 2014.

Para o diretor de soluções corporativas do Ibmec, Antonio Carlos Kronemberger, já é possível notar algumas mudanças no cenário econômico do País - aspectos como inflação, PIB, juros e a queda no número de desempregados formam um quadro otimista para quem buscar se inserir no mercado de trabalho. 

A análise do Diretor, que aposta, ainda, em mudanças nas formas de recrutamento, foi destaque na imprensa nacional. As publicações reforçam o caráter otimista e a necessidade dos candidatos de adaptarem o perfil comportamental: "hoje, sabemos que muitos são contratados pela questão técnica, e demitidos por comportamento.", ressalta Kronemberger.

Acompanhe a matéria na íntegra: clique aqui.