Vida corporativa ou vida empreendedora?

Em momentos de crise econômica e altas taxas de desemprego, muitos profissionais que não conseguem recolocação no mercado corporativo veem a oportunidade ideal para realizar o sonho de abrir seu próprio negócio e ser seu próprio chefe. 

O Brasil é um dos países que mais empreendem no mundo. De acordo com o Serasa Experian, no ano de 2015, mais de 1,9 milhão de empresas foram registradas e ingressaram no mercado. Entretanto, segundo o IBGE, metade das pequenas empresas brasileiras encerram suas atividades após quatro anos de funcionamento. 

Com base nesse cenário, qual é a melhor opção a ser seguida? Investir no sonho da empresa própria ou seguir em busca de uma vaga no mercado?

Assista ao vídeo de Fernanda Schroder, Gerente Nacional de Carreiras do Ibmec, e confira as dicas da especialista:

https://youtu.be/IyKGZyplKqo

Tags: