5 fatores decisivos para a escolha de uma educação de excelência

Muitos estudantes vivem um dilema ao sair do ensino médio. Escolher a profissão que vão seguir na vida é de grande responsabilidade. Ser um protagonista na carreira é o primeiro passo para a conquista de posições de destaque no mercado de trabalho. O jovem que constrói uma rede de relacionamento e faz um networking eficaz, ainda na faculdade, torna-se um profissional com mais oportunidades. Para se destacar na carreira, é preciso ter foco, dedicar-se aos estudos e à leitura dos temas de interesse, além de ter contato com profissionais que já atuam no mercado e têm uma trajetória de sucesso.

Há muitos exemplos de estudantes que, desde muito cedo, buscam carreiras que façam sentido na sua vida pessoal. Eles estão à procura de uma ocupação que faça diferença para a sociedade. Jovens como o Wellington Trindade, estudante de Administração do Ibmec/RJ, são inspiradores e tem uma determinação que os faz seguir um caminho que aponta para o sucesso. Empreendedor desde a infância, Wellington sempre se dedicou aos estudos e, hoje, é um exemplo de liderança com o projeto Pró-Líder.

Os jovens são protagonistas de suas próprias carreiras porque entendem que a educação é o que irá levá-los a um caminho de muitas conquistas. E para construir uma trajetória de sucesso, os verdadeiros protagonistas não enxergam empecilhos, e sim oportunidades. Abrir as portas do mercado de trabalho através da graduação em uma instituição de ensino de excelência é o melhor investimento que um jovem pode fazer na própria carreira. E há excelentes opções de financiamento estudantil em instituições altamente consideradas que podem tornar este sonho possível. O FIES, o Prouni, as bolsas e o financiamento privado são algumas das alternativas oferecidas pelo Ibmec, por exemplo. O retorno do investimento pode ser bem maior do que o financeiro e pode trazer benefícios para o resto da vida.

Além da acessibilidade da instituição, outros aspectos são importantes na hora de se escolher onde cursar a graduação:

1. Corpo docente qualificado – ter contato com professores que tem uma experiência acadêmica aprofundada e destaque no trabalho faz com que um curso de graduação seja bem avaliado por quem busca uma formação superior de excelência. Os recrutadores de grandes empresas também valorizam os candidatos que tiveram um corpo docente qualificado na faculdade.

2. Empreendedorismo – a experiência que um estudante tem ao trabalhar numa empresa júnior é algo que agrega valor ao currículo. Colocar em prática tudo o que se aprende em sala de aula logo nos primeiros períodos da faculdade contribuiu para a formação acadêmica dos jovens. Empreender não necessariamente quer dizer ter seu próprio negócio. É possível também empreender numa empresa, pensando em estratégias inovadoras.

3. Carreiras – ter orientação pedagógica no início da faculdade é primordial para a construção de uma carreira de sucesso. As empresas buscam os jovens que estão melhor preparados para os desafios do mundo corporativo. Saber como fazer um bom currículo, como se apresentar e se portar numa entrevista abrem portas num processo seletivo.

4. Internacionalização – com a globalização, é cada vez mais frequente a busca por uma experiência fora do Brasil. Cada vez mais os jovens fazem intercâmbio para estudar em outro país, conhecer novas culturas e ter uma vivência que contribui para o crescimento pessoal e profissional.

5. Infraestrutura – estar num ambiente com instalações e tecnologia de ponta propicia estímulo ao aprendizado. Jovens se sentem confortáveis em ambientes que agucem os sentidos.

O Ibmec forma protagonistas para o futuro. Conheça as formas de ingresso numa instituição que valoriza a meritocracia e estimula o jovem a trilhar o caminho do sucesso. Confira nosso site.

 

Tags: